Categorias
Blog

AMA

Ama é um conceito ayurvédico muito importante e que está associado, muitas vezes, às origens de várias doenças. Ama corresponde as toxinas formadas a partir da digestão incompleta dos alimentos e tem um alto poder destrutivo nos tecidos corporais.

Na nossa formação em Ayurveda os alunos aprendem detalhadamente um dos principais processos fisiológicos que é a digestão dos alimentos. De acordo com o Ayurveda é por meio de uma digestão equilibrada, com o agni (fogo digestivo) funcionando corretamente, que os doshas são abastecidos e os nutrientes provenientes dos alimentos bem digeridos podem participar da formação dos tecidos corporais. Uma função extremamente importante de um processo digestivo equilibrado, sob a ótica ayurvédica,  é que as substâncias digeridas e bem absorvidas repõem os cinco grandes elementos – Akasha (espaço), Vayu (ar), Tejas (fogo), Jala (água) e Prithivi (terra), os panchamahabhutas, que compõe nosso corpo e também toda matéria universal.

Durante as etapas da digestão e também durante a formação dos tecidos corporais, ocorre a produção de resíduos que necessitam ser eliminados de forma correta, caso contrário, o acúmulo ou a eliminação inadequada dos resíduos podem levar a formação de ama, isto é, de toxinas.

Há muitas formas de identificar se uma pessoa está produzindo ama. Uma delas  é a observação detalhada da língua por parte de um terapeuta. Geralmente, o acúmulo de ama no trato gastrointestinal provoca o aparecimento de uma cobertura na língua, que dependendo da coloração, está associada a desequilíbrios específicos do agni e dos doshas envolvidos durante o processo digestivo. 

A observação da língua faz parte de um protocolo de anamnese bem detalhado feito pelo terapeuta a partir do qual ele orientará o paciente a fazer ajustes adequados na alimentação, revendo os seus hábitos alimentares, indicando ou restringindo alimentos e, muitas vezes, propondo uma dieta alimentar focada na desintoxicação com o objetivo de digerir e eliminar corretamente as toxinas.